Quem somos?

A ABBIO – Associação Brasileira de Biofeedback é uma associação sem fins lucrativos, de âmbito nacional e internacional, sem vinculação com qualquer interesse político partidário, constituída por pessoas comprometidas com a técnica transdisciplinar de Biofeedback e incluindo a segunda modalidade da técnica, Neurofeedback.

Somos compostos por pessoas vindas de várias profissões dentro de duas principais vertentes: Saúde e Educação, no entanto contamos também com a participação de engenheiros, matemáticos e até atletas. Algumas pessoas se unem à ABBIO pelo simples interesse em entender melhor os processos que ocorreram nas suas vidas quando foram atendidos como clientes e obtiveram resultados supreendentemente positivos.

Esta variedade de profissionais está unida através do respeito profundo pela técnica e a crença embasada em experiências de que o Biofeedback e o Neurofeedback são técnicas inovadoras, que estão sendo cada vez mais difundidas em nossa sociedade.

Breve Histórico
Os primeiros esforços para a fundação da ABBIO foram iniciados em 2007, com o movimento de formar Grupos de Estudo em Biofeedback em conjunto com universidades nos estados da Bahia, São Paulo, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. No final daquele ano, em uma reunião no estado de São Paulo, realizou-se a proposta de declarar oficialmente a fundação da Sociedade Brasileira de Biofeedback, que seria chamada SOBBIO. Desta fundação participarem 47 pessoas. Mas a vontade de existir e servir não foi suficiente, e a SOBBIO sofreu atrasos no seu reconhecimento em cartório pelo código civil brasileiro não mais permitir a formação de Sociedades científicas sem fins lucrativos. Assim, em 2008 foi modificado o nome para Associação Brasileira de Biofeedback, a ABBIO. Este estatuto iria ainda sofrer algumas modificações e passando por processos burocráticos, antes de ser aceito oficialmente. Contudo, esses percalços não impediram a Associação de atuar com reuniões anuais para divulgar os trabalhos de pesquisa, incentivar publicações, apoiar as pessoas novas no campo, definir sua missão, visão, valores, além de manter uma lista aberta para discussão da técnica e suas potencialidades, tanto científica quanto social.

Em 2009, junto à Assembleia Geral, realizamos o primeiro simpósio interno, no qual colegas apresentaram seus trabalhos e desenvolvimentos no campo. Finalmente, em 2010 foi redigida uma segunda ata da Fundação da Associação Brasileira de Biofeedback. Neste ano foi realizado o primeiro Seminário Brasileiro de Biofeedback, que contou com a presença do pesquisador de renome internacional no uso de biofeedback cardíaco (HRV), Prof. Dr. Paul Lehrer. Com fundação oficial em dia 20 de dezembro de 2010, a ABBIO vem progressivamente se estruturando para oferecer os serviços e a referência almejada há muitos anos. Em 2013 realizamos, com grande sucesso, 1ª conferência nacional que contou com palestrantes nacionais e internacionais. Nossa conferência foi abrilhantada pelos pesquisadores Dr. David Cantor, referência no trabalho com autismo, e Dr. Leslie Sherlin, que utiliza a técnica do Neurofeedback no treinamento de atletas de alto nível de desempenho. O momento da conferência foi de grande troca graças ao elevado número de participantes, tanto nas palestras quanto nos workshops oferecidos.

A ABBIO segue buscando cumprir sua missão e no ano de 2015 organizou a 2ª Conferência Brasileira de Biofeedback. Novamente com atrações nacionais e internacionais, o evento foi realizado em Porto Alegre – RS, no período de 20 a 21 de novembro de 2015. Visite o site da conferência realizada conferencia2015.abbio.com.br

Quanto mais avançamos em nosso trabalho, mais temos a satisfação de ver crescer a participação e o interesse por esta área que ainda é nova em nosso país, mas que nem por isso deixa de mostrar sua importância nas iniciativas e nos trabalhos de nossos membros.

Missão, Visão, Valores

Missão: Estabelecer na sociedade brasileira a técnica de Biofeedback como método didático, não invasivo, não medicamentoso, capaz de promover o bem estar psicofisiológico dos seus praticantes.

Visão: Ser uma associação representativa do Biofeedback e Neurofeedback, promovendo intercâmbio de conhecimentos com conselhos e órgãos de classes afins, dentro e fora do Brasil.

Valores: Ciência, Interdependência, Responsabilidade, Firmeza de Propósito, Transparência.